top of page

A Construção Civil e suas Particularidades – Parte 1/3


O mercado da construção civil possui inúmeras particularidades em relação a outros segmentos de negócios, os quais necessitam ser considerados, para que as adaptações, desenvolvimento e implementações da “Lean Construction” possam efetivamente “entregar os os resultados esperados”.

Produto – ao contrário de outras industriais, o produto final entregue pela Construção Civil é “fisicamente fixo, geralmente de grande porte e diferentes”.

Produção – na Construção Civil, a produção é realizada de acordo com o local de trabalho. Dessa forma, todas as atividades a serem realizadas estão ligadas a este local, ou seja, onde parte do produto final está sendo construído. Assim, mão de obra, equipamentos, ferramentas e materiais se movimentam então, de um local para outro.

Longevidade e Ciclo de Vida – o produto final possui normalmente um elevado custo e o cliente o utiliza por um longo período de tempo. Por isso, as necessidades também são as únicas e, na maioria das vezes, elevadas.

Estações de Trabalho – na indústria o produto se movimenta pelas estações de trabalho. Na Construção Civil o produto final é gerado a partir de pequenas partes individuais e as estações de trabalhos ou frente de trabalho, se movimentam através destas partes.

Planejamento, Programação e Controle da Produção – na Construção Civil, denominada também de produção por pedido, o Planejamento ocorre de maneira independente por obra, mesmo havendo certa padronização deste processo dentro da Construtora. Na fase de planejamento não são levados em consideração apenas o prazos, capacidades e/ou quantidades. Além dos materiais, outras necessidades devem ser consideradas como projetos, mão de obra, equipamentos, ferramentas e documentações em geral (licenças, autorizações...etc). Em relação aos métodos de planejamento de prazos e recursos utilizados na Construção Civil, a literatura remete normalmente à sistemática de Gestão de Projetos. Cada produto é visto como um projeto único, o que se reflete também nas ferramentas utilizadas. Os prazos e necessidades de cada obra são planejados individualmente, tendo como referência experiência e dados de projetos anteriores e índices de mercado.

Parte – 2/3 no próximo artigo.

Fonte:Iopex


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Siga
  • LinkedIn Social Icon
bottom of page